CONTEÚDO
Notícias
 
13.Fev - Papa defende amor e coerência no ato de educar
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
Papa defende amor e coerência no ato de educar

Francisco afirma que o educador deve ser competente, mas ao mesmo tempo rico em humanidade. Educar requer amor, preparo e coerência


O Papa Francisco recebeu em audiência, nesta quinta-feira, 13, os participantes da Plenária da Congregação para a Educação Católica, em andamento no Vaticano.


Como faz habitualmente, o Pontífice salientou três pontos em seu discurso. O primeiro destacou o valor do diálogo na educação. Francisco recordou que Jesus começou  a anunciar a boa nova na “Galileia dos gentios”, encruzilhada de pessoas de diferentes raças, culturas e religiões.


“De certa maneira, aquele contexto se assemelha ao mundo de hoje. As mudanças profundas que levaram à difusão de sociedades multiculturais requerem, dos que atuam no setor escolar e universitário, que empreendam itinerários educativos de confronto e de diálogo, com uma fidelidade corajosa e inovadora que saiba promover o encontro entre a identidade católica com as várias ‘almas’ da sociedade multicultural”, analisou o Papa.


O segundo aspecto ressaltado pelo Pontífice foi a preparação qualificada dos formadores, que deve ser permanente e não improvisada. “Educar é um ato de amor, é dar a vida”, disse Francisco. O Papa destacou que o amor é exigente, requer empenho, paixão e paciência para poder se comunicar com os jovens de hoje.


“O educador nas escolas católicas deve ser antes de tudo muito competente, qualificado e, ao mesmo tempo, rico em humanidade. Os jovens necessitam de qualidade de ensino e os valores não devem ser somente enunciados, mas testemunhados. A coerência é um fator indispensável na educação dos jovens. Não se pode educar sem coerência”, ponderou, sugerindo que os educadores façam retiros e exercícios espirituais.


O último aspecto diz respeito às escolas e às Universidades católicas e eclesiásticas, sobre as quais exortou: “É preciso que as instituições acadêmicas católicas não se isolem do mundo, mas saibam entrar com coragem no areópago das culturas atuais e colocar-se em diálogo, conscientes do dom a oferecer a todos”.


A Plenária da Congregação para a Educação Católica teve início nesta quarta-feira, 12, e prossegue até sexta-feira, 14, no Vaticano.


Fonte: Canção Nova

Indique a um amigo
 
NEWSLETTER: Informe o seu e-mail para receber as nossas novidades
Contato
  • ESCRITÓRIO

    Avenida Miguel João, 463, Anápolis/GO - Centro

  • (62) 3943-5555


  • Ou

    CEP: 75020-360

  • Dúvidas, críticas e sugestões
  • A sua opnião ajuda a construir um serviço de qualidade. Por isso, envie-nos suas sugestões, críticas e elogios ou dúvidas.

  •  

    Copyright © 2019 Comunidade Católica Nova Aliança. Todos os direitos reservados.