CONTEÚDO
Notícias
 
23.Jul - Papa e prefeitos assinam declaração sobre clima e escravidão
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -

Documento assinado na reunião de prefeitos em Roma é uma forma de combate ao tráfico humano e à degradação ambiental


 


Papa




No encontro de prefeitos que acontece em Roma, o Papa Francisco assinou, junto com eles, uma declaração conjunta com o intuito de combater o tráfico humano e os danos contra o meio ambiente. A assinatura do documento foi no final da reunião desta terça-feira, 22, após o discurso do Papa aos prefeitos.


A declaração enfatiza a responsabilidade dos líderes políticos de todos os Estados-membro da ONU de entrarem em acordo sobre o clima limitando o aquecimento global em nível seguro para a humanidade. Essa e outras questões devem ser discutidas na Conferência sobre o Clima de Paris (COP21), marcada para o final deste ano.


“Os países de alta renda deveriam contribuir para financiar as despesas com a finalidade de atenuar as mudanças climáticas nos países de baixa renda, como prometeram fazer”, informa o texto. Destaca-se ainda no documento o empenho dos prefeitos em favorecer a emancipação dos pobres e dos que vivem em condições de vulnerabilidade, reduzindo sua exposição a eventos extremos e catastróficos derivados de profundas alterações de natureza ambiental, econômica e social, que criam terreno fértil para o tráfico de seres humanos e as migrações forçadas.


A declaração remete, assim, à relação entre as mudanças climáticas e a questão social, como tem feito o Papa Francisco. No encontro com os prefeitos, ele fez questão de esclarecer que sua última encíclica – Laudati sí – não é uma “encíclica verde”, mas uma encíclica social.


Outro compromisso assumido pelos prefeitos é o de lutar pelo fim dos abusos, da exploração, do tráfico de pessoas e de órgãos, da prostituição e da servidão doméstica. “Queremos que as nossas cidades e centros urbanos se tornem sempre mais socialmente inclusivos, seguros, flexíveis e sustentáveis. Todos os setores e as partes interessadas devem fazer sua parte e nós nos empenhamos plenamente neste sentido, como prefeitos e como pessoas.”


Ao final do documento, há uma nota especial de Francisco em que ele mostra o seu apreço pela declaração: “Desejo que faça muito bem”, escreve o Pontífice.




Fonte: Canção Nova


 


 


 


Assessoria de Comunicação


Nova Aliança 25 anos




Indique a um amigo
 
NEWSLETTER: Informe o seu e-mail para receber as nossas novidades
Contato
  • ESCRITÓRIO

    Avenida Miguel João, 463, Anápolis/GO - Centro

  • (62) 3943-5555


  • Ou

    CEP: 75020-360

  • Dúvidas, críticas e sugestões
  • A sua opnião ajuda a construir um serviço de qualidade. Por isso, envie-nos suas sugestões, críticas e elogios ou dúvidas.

  •  

    Copyright © 2019 Comunidade Católica Nova Aliança. Todos os direitos reservados.