CONTEÚDO
Notícias
 
16.Out - Quando o silêncio é fecundo
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -

Quando o silêncio é fecundo


 O silêncio na maioria das vezes traz uma ideia de solidão, falta, frieza, vazio, de não habitação, um lugar escuro, sem vida. Mas ao contrário do que pensamos, o silêncio pode e deve ser fecundo, mas é preciso mergulhar no silêncio para descobrir e, sobretudo desfrutar da sua fecundidade. Ele pode ser tão fecundo quanto às palavras, e até mais, considerando a desapropriação do momento e da forma que as mesmas são ditas. Escutei um bispo dizer numa homilia sobre São José: “se suas palavras não forem mais valiosas que o silêncio, prefira o silêncio”. E quantas vezes o nosso silêncio produziu mais fruto que as nossas palavras? Palavras cheias de crítica, de inveja, de raiva, de amargura, de mentira, de falsidade, palavras cheias de vazio. Quanta fecundidade no silêncio que nos livra e nos protege do pecado, que nos impede de ferir com as nossas palavras, um silêncio carregado de caridade e respeito.


Mas a ausência de palavras não é o único sentido do silêncio, ele tem seu sentido próprio, sua fecundidade própria. Quanta paz encontramos no silêncio de um abraço amigo, que ao nos acolher, sem nada dizer, nos diz o indizível. Quanta profundidade nos envolve quando somos alcançados por um olhar silencioso, que nos desvenda sem nos violar. Quanto acolhimento experimentamos quando as nossas palavras caem no terreno fértil da escuta silenciosa, interessada, respeitosa, receptiva. Quão belo é o silêncio que gera vida, que faz germinar a semente, debaixo da terra acontece um processo intenso, mas silencioso, assim como numa gestação, nove meses nos quais a vida vai se desenvolvendo no silêncio de um ventre e vai trazendo vida a quem a carrega.


Por fim, pensemos no silêncio da saudade, um silêncio cheio de amor. O silêncio da espera, o silêncio da resignação, o silêncio da humildade. Muitas vezes temos medo do silêncio, porque só no silêncio se escuta o que muitas vezes não queremos ouvir, quando a voz cala o coração fala. Escute o seu silêncio e conheça a você mesmo.


 


Márcia


Missão Bahia


 


Indique a um amigo
 
NEWSLETTER: Informe o seu e-mail para receber as nossas novidades
Contato
  • ESCRITÓRIO

    Avenida Miguel João, 463, Anápolis/GO - Centro

  • (62) 3943-5555


  • Ou

    CEP: 75020-360

  • Dúvidas, críticas e sugestões
  • A sua opnião ajuda a construir um serviço de qualidade. Por isso, envie-nos suas sugestões, críticas e elogios ou dúvidas.

  •  

    Copyright © 2019 Comunidade Católica Nova Aliança. Todos os direitos reservados.